Buscar
  • Dr. Paulo Ladeira

Advogado especialista em família conversa com alguém sem noção

Um cliente contava-me a história de seu relacionamento e começou a digredir.

“Minha mãe diz que eu sou louco, fico dando dinheiro para mulher. Mas, doutor, você sabe, homem é desse jeito. Saímos com as putas, ficamos nos achando, chegamos em casa, comemos a esposa, e fumamos um cigarro, com a moral lá em cima!”

[...]

Ele me olhou.

[...]

Mantive o silêncio e assim nos passamos por alguns segundos.

[...]

“Doutor, você não é putanheiro?”

“Não”, respondi, e logo retomei um assunto mais técnico para desviar dessa generalização bizarra.


A mãe dele, todos nós sabemos, estava muito certa.


Toda e qualquer similaridade dessa história com algum fato ou evento da vida real é mera coincidência.

Posts recentes

Ver tudo